Ok
Notícias

Quer ganhar 1 curso de teologia grátis?
Então me chame no Whatsapp

Autoridades prepararam acusações criminais contra pastores

A mãe de dois evangelistas menonitas, presos dia 2 de março na cidade de Ho Chi Minh, Vietnã, recebeu permissão para visitar seus filhos presos pela primeira vez, no dia 23 de agosto. Podendo ver cada um deles separadamente por um período de uma hora cada, a visita da mulher foi interrompida quando um filho começou a descrever como o outro foi terrivelmente espancado enquanto estava sob custódia.

Cristã de muito tempo, a mãe disse que o seu filho mais novo, Nguyen Thanh Nhan, pareceu magro e pálido, mas de bom humor. O filho mais velho, Nguyen Huu Nghia, entretanto, estava em um estado emocional muito frágil.

Está gostando desse conteúdo?

Cadastre seu email no campo abaixo para ser o primeiro a receber novas atualizações do site.

Fique atualizado! Cadastre para receber livros, CDs e revistas promocionais.

Demorou cerca de seis meses para que a família conseguisse permissão para a visita, apesar de uma lei vietnamita estipular que tais visitas devem ser permitidas já dentro dos trinta primeiros dias de encarceramento.

Dia 18 de agosto, a esposa do rev. Nguyen Hong Quang pôde visitá-lo pela segunda vez, desde a sua prisão em 8 de junho, desta vez acompanhada pelos três filhos pequenos do casal.

Fontes no Vietnã confirmam que, no meio de julho, o pai do evangelista Pham Ngoc Thach também pôde realizar uma breve visita. Ele não sabia nem se Pham estava vivo, já que ele foi seriamente espancado pela polícia quando foi preso, também no dia 2 de março.

A esposa do evangelista Nguyen Van Phuong, que deu à luz seu primeiro filho dias antes da prisão, no dia 2 de março, também recebeu permissão de visitar seu marido.

A única mulher evangelista, Le Thi Hong Lien, presa no início de julho, não pôde receber visita de sua família. Para justificar essa proibição, a polícia disse à família de Le Thi que ela é "cabeça-dura e não-cooperativa".

As visitas das famílias foram monitoradas, e algumas notícias já surgem. Parece que os seis menonitas estão encarcerados em uma prisão localizada na rua Phan Dang Luu, nº 4, na cidade de Ho Chi Minh, e não na prisão do 2º distrito, onde eles foram primeiramente detidos.

Os prisioneiros acreditam que a polícia de segurança pública da cidade está perto de completar uma investigação para determinar se os processarão individualmente. Se os oficiais decidirem processar, os prisioneiros autuados serão provavelmente transferidos para a prisão de Chi Hoa , na grande área metropolitana da cidade de Chi Minh. Mais investigações serão feitas e então as acusações contra os réus serão publicadas, tendo a seguir o julgamento.

De acordo com uma informação da Solidariedade Cristã Mundial, fontes no Vietnã dizem que as autoridades estão trabalhando duro para pôr o Reverendo Nguyen Hong Quang em julgamento o mais rápido possível, talvez no começo de setembro. Observadores esperam que Quang seja julgado por causa de seu aberto apoio aos direitos humanos e à liberdade religiosa.

Autoridades confiscaram arquivos e computadores da casa de Quang, no momento de sua prisão, e está ,aparentemente, usando-os para coletar "evidências" para acusar o pastor. Quang espera encarar duras acusações, mas diz estar preocupado porque seus cinco co-trabalhadores já sofreram muito.

Parece duvidoso que essas acusações contra os cinco réus poderá incluir algo mais que "resistência a um oficial que cumpria seu dever" - motivo pelo qual eles foram supostamente presos.

Autoridades vietnamitas mostraram-se surpresas e preocupadas com a negativa publicidade que sua opressão à igreja doméstica menonita do Vietnã gerou, a nível internacional. Aparentemente eles não estão cientes da extensão que o corpo da igreja menonita tem em todo o mundo, que falou muito em apoio aos seis prisioneiros.

Várias organizações de mídia, tanto seculares como ligadas à igreja, publicaram notícias sobre os seis menonitas. Pelo menos uma meia dúzia de países estão pressionando as autoridades vietnamitas por causa do mau tratamento dispensado aos líderes e igrejas menonitas.

Enquanto isso, a minoria étnica das igrejas menonitas, na província de Gai Lai, continuam a experimentar opressão. Em maio passado, autoridades intimaram seis pastores menonitas de grupos étnicos minoritários, no distrito de Ia Go Rai, e encorajaram-nos a renunciar seus laços com a igreja menonita. Denunciando Nguyen Hong Quang, eles convidaram os seis a fazerem parte da Igreja Evangélica do Vietnã (do sul).

Líderes dessa igreja não sabiam nada sobre o incidente. Até agora, na verdade, eles só puderam registrar onze de suas quatrocentas igrejas da província.

No meio de maio, dois evangelistas menonitas, Ksor Ti No e Ksor Pui Nai, foram presos e colocados na prisão T20 em Gia Lai. As acusações contra eles são desconhecidas. Até agora, as famílias não puderam visitá-los, apesar de os oficiais receberem pacotes para ajudarem os homens.

Uma reportagem enviada dia 17 de agosto para Compass dizia: "cristãos continuam a ser presos levados para longe neste momento".

Em outro incidente, um jornalista britânico perguntou aos oficiais do Bureau de Assuntos Religiosos, no fim de julho, sobre Nguyen Hong Quang. Naquele momento, esses mesmos oficiais conduziam uma campanha de difamação contra Quang por meio da mídia do estado. Apesar de tudo, disseram ao jornalista que eles nunca tinham ouvido falar de Quang.

Finalmente no dia 5 de agosto, autoridades do Bureau de Assuntos Religiosos aproximaram-se do mais velho presidente da Igreja Menonita do Vietnã e sugeriram que ele fizesse um pedido para registrar legalmente a organização junto ao governo. Não fizeram menção da prisão de Quang - que serve à secretaria geral da igreja - ou de seus cinco co-trabalhadores, nem fizeram referência a outras ações repressivas contra a Igreja Menonita do Vietnã .

Fonte: https://www.portasabertas.org.br/noticias/2004/08/noticia1336/


Qual sua opinião sobre esta noticia?
Deixe seu Comentário abaixo:
(*)Campos obrigatórios, e-mail e telefone não serão publicados)
Notícias de Líderes
Pastor José Wellington Bezerra da Costa
Apóstolo Valdemiro Santiago
Pastor Yossef Akiva
Pastor Samuel Camara
Pastor Reuel Pereira Feitosa
Pastor Julio Ribeiro
Pastor Abílio Santana
Bispa Ingrid Duque
Pastor Paulo Marcelo
Pastor Silas Malafaia
Pastor Josué Gonçalves
Pastor Samuel Mariano
Bispa Cléo Ribeiro Rossafa
Pastor Geziel Gomes
Bispo Rodovalho
Missionário RR Soares
Pastor Cesino Bernardino
Pastora Joyce Meyer
Apóstolo Renê Terra Nova
Missionário David Miranda
Pastor Aluizio Silva
Apóstolo César Augusto
Pastor Claudio Duarte
Pastor Elson de Assis
Apóstolo Estevam Hernandes
Pastor Adeildo Costa
Pastor Oseias Gomes
Pastor Gilvan Rodrigues
Pastor Marco Feliciano
Pastor Benny Hinn
Pastor Gilmar Santos
Pastor Carvalho Junior
Pastor Samuel Ferreira
Pastor Billy Graham
Pastor Adão Santos
Pastor Márcio Valadão
Pastora Sarah Sheeva
Pastora Bianca Toledo
Pastor Lucinho
Bispa Lucia Rodovalho
Pastor Reuel Bernardino
Apóstolo Agenor Duque
Pastor Hidekazu Takayama
Pastora Helena Tannure
Bispa Sonia Hernandes
Pastor Jorge Linhares

O Seminário Gospel oferece cursos livres de confissão religiosa cristã que são totalmente à distância, você estuda em casa, são livres de heresias e doutrinas antibiblicas, sem vinculo com o MEC, são monitorados por Igrejas, Pastores e Teólogos de Grandes Ministérios totalmente baseado na Santa Palavra de Deus, ao final você recebe DOCUMENTAÇÃO INTERNACIONAL valida no âmbito religioso.

Notícias de Cantores
Banda Oficina G3
Cantor Regis Danese
Cantora Cristina Mel
Cantora Eyshila
Cantora Alda Célia
Cantora Fernanda Brum
Cantora Bruna Karla
Cantor Kleber Lucas
Cantora Ludmila Ferber
Cantora Lauriete
Cantora Rose Nascimento
Cantora Ana Paula Valadão
Cantora Mara Lima
Cantora Elaine de Jesus
Cantor Irmão Lázaro
Cantora Andrea Fontes
Cantora Nivea Soares
Cantora Cassiane
Cantora Karen Martins
Cantora Aline Barros
Cantora Lea Mendonça
Cantor Davi Sacer
Voz da Verdade
Ministério Diante do Trono
Cantor Mattos Nascimento
Cantor André Valadão
Cantora Damares
Ministério Renascer Praise
Cantora Shirley Carvalhaes
Cantor Marquinhos Gomes
Cantor Fernandinho